Trabalho híbrido: como funciona o novo modelo que surgiu com a pandemia

De repente, o mundo mudou! E, com ele, todas as estruturas tradicionais de trabalho precisaram ser revistas. Com a chegada da pandemia e o surgimento de medidas restritivas, inúmeros profissionais precisaram migrar às pressas para o home office. Quase dois anos depois, no entanto, vivemos um novo momento e muitas empresas começam a retornar ao trabalho presencial. Porém, será que isso vai dar certo?

 

Depois de muitos profissionais terem experimentado a dor e as delícias do home office, o caminho do meio, ou seja, o trabalho híbrido parece fazer mais sentido. Nesse novo modelo, alternar espaços como empresa, casa e coworkings pode ser uma ótima maneira de garantir a flexibilidade no trabalho, sem perder a produtividade. 

A pandemia e o futuro do trabalho

A pandemia foi (e continua sendo!) um acontecimento que mudou nossas vidas. Com o surgimento do coronavírus, mudamos a forma como nos vestimos, como nos relacionamos e como nos cumprimentamos. Todas essas transformações de comportamento, naturalmente, impactaram o universo do trabalho que também precisou se adaptar. 

 

Trabalhar remotamente, de casa ou de um coworking, não é nenhuma novidade para muitos profissionais e empresas. Contudo, antes da pandemia, o trabalho à distância era uma exceção e não uma regra. 

 

Agora, no entanto, a maioria já experimentou as vantagens e desvantagens do trabalho remoto e do trabalho presencial. Por isso, se manter só no home office, ou na empresa, tende a desagradar muita gente. 

 

Ao que tudo indica, a maioria dos profissionais busca qualidade de vida no trabalho. E, sem flexibilidade, conciliar a rotina pessoal e profissional ficou impossível. Por esse motivo, o futuro do trabalho está mais para um modelo híbrido, onde o profissional pode fazer seus horários, mas ao mesmo tempo, pode escolher o espaço que melhor favorece a execução das suas tarefas.

O que é trabalho híbrido?

O trabalho híbrido é um modelo que reúne atividades presenciais e remotas. Ele pode ser realizado tanto na empresa, quanto em casa, ou mesmo em espaços destinados ao trabalho, como é o caso de um coworking. 

 

Esse modelo é interessante não apenas para empresas, como também para profissionais autônomos e empreendedores solo. Mesmo aqueles que trabalham sozinhos podem se beneficiar de alternar os espaços de trabalho. Inclusive para esse tipo de perfil, trabalhar em espaços compartilhados como um coworking é uma boa oportunidade para ampliar o networking e se sentir mais motivado com o trabalho. 

 

Para as empresas, o trabalho híbrido significa não apenas flexibilidade de espaço, como também é uma ótima maneira de manter a socialização. Os efeitos do isolamento e seus impactos em nossa saúde mental foram sentidos por todos. Logo, nada mais importante do que priorizar também o contato e a convivência, mesmo com os protocolos de segurança.

Quais as vantagens e desvantagens do trabalho híbrido

O trabalho híbrido possui algumas vantagens do trabalho presencial, ao mesmo tempo minimiza as desvantagens do home office. Sem dúvida, um dos seus maiores benefícios é a flexibilidade, já que o profissional pode utilizar o espaço de casa para realizar tarefas que demandem maior concentração, por exemplo, e a empresa ou um coworking, para realizar reuniões, ou vice-versa. 

 

Para que esse modelo funcione, no entanto, é fundamental que o profissional tenha clareza sobre as atividades que precisa executar na sua rotina, bem como, tenha uma escala bem definida entre os espaços para que possa se organizar. 

 

A transparência e o engajamento do time são fundamentais no caso das empresas que desejam adotar esse sistema. Assim, a utilização de ferramentas digitais que auxiliam na organização do fluxo de trabalho e favorecem a comunicação são essenciais para a realização das atividades no modelo de trabalho híbrido. 

 

Por fim, a estrutura adequada também é importante para a realização do trabalho híbrido. Isso significa que tanto no home office, quanto fora dele o profissional precisa contar com os equipamentos e mobiliário adequados para fazer suas atividades. 

Como implementar um modelo híbrido utilizando um coworking 

Por motivos econômicos, muitas empresas abriram mão de um espaço físico. Contudo, com o relaxamento das medidas mais restritivas, inúmeros negócios correm o risco de perder talentos por não oferecerem um modelo de trabalho mais flexível. Nesse cenário, utilizar a estrutura de um coworking pode ser uma ótima alternativa. 

 

Além de dispensar o investimento em mobiliário, esses espaços podem ser mais acessíveis do que um aluguel comercial, além de oferecerem bons atrativos. Praticidades como sala de espera com jardim, cafeteria completa e até a possibilidade de personalização do ambiente são alguns diferenciais oferecidos por espaços de coworking. Em muitos casos, a infraestrutura disponibilizada em coworkings chega a ser melhor do que o antigo espaço da empresa. 

 

Mais do que infraestrutura, no entanto, o modelo de trabalho híbrido é também uma cultura. Por isso, é preciso saber como implementá-lo. Para quem pensa em aderir a esse modelo, algumas dicas são essenciais:

 

 

  • Escolha um espaço de coworking bem localizado, de preferência com acesso ao transporte público e estacionamento próximo
  • Estabeleça uma escala bem definida para os colaboradores. Todos devem saber quem irá para o trabalho presencial em qual dia. De preferência mantenha essa escala flexível
  • Adote ferramentas que facilitam a organização do trabalho remoto. Armazenamento de documentos na nuvem e aplicativos de gestão de projetos, como o Trello, Asana ou Airbtable são ótimas opções.
  • Alinhe a comunicação. Tenha bem definido um canal de comunicação e utilize o presencial para as reuniões, evitando que os profissionais fiquem sobrecarregados com reuniões no Zoom, por exemplo.

 

Utilizando o trabalho híbrido é possível utilizar uma estrutura menor e mais enxuta, sem que isso signifique perder o conforto e um bom ambiente de trabalho. Assim vale a pena considerar. 

 

Para as empresas que abriram mão de um espaço físico durante a pandemia, voltar para o presencial de forma híbrida, utilizando um coworking, é uma boa maneira de evitar gastos com a reaquisição de um espaço, além de agradar a maioria dos colaboradores. 

 

Para os profissionais autônomos, o trabalho híbrido também tem seus desafios. Assim vale a pena encaixar o coworking na rotina, especialmente naqueles dias que nos sentimos menos produtivos. 

 

Você pensa em adotar o sistema de trabalho híbrido? Conheça nossos planos!

 

Recentes
Categorias
Post Recente
Precisa de um serviço?

O melhor espaço para a imaginação, para a criatividade e para o trabalho no ABC.

Links Úteis

Newsletter

Assine à nossa Newsletter para ficar por dentro de tudo que rola na Hausen.

Copyright © hausen coworking 2022  Todos os direitos reservados. Desenvolvido por BUSINESS 6V.